1972

No Brasil

Pianistas ganhadores do prêmio APCA 1972 (Associação Paulista de Críticos de Artes): Edson Elias (categoria "Recitalista"), Denis Akel (categoria "Revelação"), José Carlos Cocarelli (dentre outros, na categoria "Prêmio especial"), Hermeto Pascoal (na categoria "Solista", em Música popular). A obra "Concerto para piano e orquestra", de Souza Lima, foi premiada na categoria "Obra sinfônica.

13 de março. Recital de Oriano de Almeida. MASP, São Paulo.

28 de março. Recital de Jeremy Menuhin. TMSP.

2 de abril. Recital de José Carlos de Castro (clarineta) e Elieane Rodrigues (piano). Palácio da Cultura, Rio de Janeiro.

10 de abril. Recital de Antonio Guedes Barbosa. São Paulo.

19 de abril. Recital de Mauro Latorre (piano) e Conjunto de Câmara de Odette Ernest Dias. (talvez Universidade Gama Filho), Rio de Janeiro.

26 de abril. Recital de Maria Luisa Corker (piano) e Conjunto de Harpas de A. Mello. (talvez Universidade Gama Filho), Rio de Janeiro.

10 de maio. Recital de João Pedro Borges (violão) e José C. Cocarelli (piano). (talvez Universidade Gama Filho), Rio de Janeiro.

14 de maio. Concerto com Friedrich Gulda e o conjunto de jazz Weather Report formado por Josef Zawinul (piano), Miroslav Vitous (contrabaixo), Wayne Shorter (saxofone), Eric Gravatt (percussão), Dom Um Ramão (percussão). Na primeira parte, Gulda se apresentou ao piano solo. Na segunda, apenas o conjunto Weather Report. Na terceira, Gulda e o conjunto Weather Report. TMRJ. [acesse aqui o programa]

15 de maio. Concerto com Friedrich Gulda e o conjunto de jazz Weather Report formado por Josef Zawinul (piano), Miroslav Vitous (contrabaixo), Wayne Shorter (saxofone), Eric Gravatt (percussão), Dom Um Ramão (percussão). Na primeira parte, Gulda se apresentou ao piano solo. Na segunda, apenas o conjunto Weather Report. Na terceira, Gulda e o conjunto Weather Report. TMRJ. [acesse aqui o programa]

17 de maio. Recital de Eudóxia de Barros. Clube Paulsitano, São Paulo.

19 de maio.  Recital de Friedrich Gulda. TMRJ.

20 de maio. Concerto da Orquestra Sinfônica Nacional sob regência de Eleazar de Carvalho, tendo como solista Antonio Guedes Barbosa. TMRJ.

23 de maio. Recital de Rudolf Firkusny pela Sociedade de Cultura Artística de São Paulo.

26 de maio. Recital de Jacques Klein. TMRJ.

27 de maio. Recital de Jorge Zulueta com a obra integral de Schoenberg. O musicólogo Jacobo Romano apresentou na primeira parte uma biografia projetada audio-visual. Escola de Música da UFRJ. [acesse aqui o programa]

Junho e julho (iniciando no dia 14 de julho). Curso de Alta Interpretação Pinística de Magda Tagliaferro no MASP, São Paulo.

3 de junho. Alicia de Larrocha sola o Concerto No.4 de Beethoven e Noites nos jardins de Espanha, de De Falla, com a Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Isaac Karabtchevsky. TMRJ. [acesse aqui o programa]

9 de junho. Recital de Alicia de la Rocha. TMSP.

13 de junho. Philippe Entremont sola o Concerto em sol e o Concerto para mão esquerda, de Ravel, com a Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Simon Blech. TMRJ.

23 de junho. Recital de Rudolf Firkusny. TMSP.

26 de junho. Recital de Roberto Szidon (talvez TMRJ), Rio de Janeiro.

30 de junho. Recital de François Glorieux intitulado "A dança para piano", com obras de Saite, Milhaud, Camargo Guarnieri (Dança negra), Bartok, Schubert, Schumann, Beethoven, Grieg, Brahms, Albéniz, Granados, De Falla. Na segunda parte, Glorieux tocou improvisações "sobre notas, temas, estilos, ambientes e situações dados pelo público e por autoridades musicais convidadas pela JABRARTE". Auditório do D.E.R. - GB, Rio de Janeiro. [acesse aqui o programa]

1º de julho. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de João de Souza Lima, tendo como solista Alexander Jenner. TMRJ.

2 de julho. Recital de François Glorieux intitulado "A dança para piano", com excertos do recital apresentado no dia 30 de junho (ver acima). TMRJ.

4 de julho. Recital de Jacques Klein. TMRJ.

12 de julho. Recital de Alexander Jenner. TMRJ.

18 de julho. Recital de José Karan. MASP, São Paulo.

22 de julho. Concerto da Orquestra Sinfônica Nacional sob regência de Álvaro Cassuto, tendo como solista Arthur Moreira Lima. TMRJ.

1ª de agosto. Recital de Maria d'Apparecida (canto) e Hermelindo Castelo Branco (piano) com canções de Villa-Lobos (Remeiro de São Francisco (No.5 das Modinhas e canções), Nhapôpé (No.6 das Modinhas e canções), A gatinha parda (No.4 das Modinhas e canções)), Waldemar Henrique (Foi boto sinhá, Curupira, Tamba tajá, Martintaperêra), Aloysio de Alencar Pinto (Moda de Maria da Ponte e Êta mundo pra dá vorta, ambas em 1ª audição no Brasil), Bizet, Jayme Ovalle (Modinha), Francisco Mignone (Poema para Manuel Bandeira), Waldemar Henrique (Essa nega fulô...), Hekel Tavares (Maracatus), Almeida Prado (Ária de Maria, em 1ª audição no Brasil), Mozart, Offenbach, Bernstein. Clube de Engenharia, Rio de Janeiro. [acesse aqui o programa]

3 de agosto. Recital de Cristina Ortiz pela Sociedade de Cultura Artística de São Paulo.

5 de agosto. Recital de Arthur Moreira Lima com obras de Brahms (6 Peças Op.118), Debussy (6 Prelúdios), Villa-Lobos (Festa no sertão), Scriabin (8 Estudos), Mussorgsky (Quadros de uma exposição). TMRJ.

7 de agosto. Recital de Richard Metzler. MASP, São Paulo.

8 de agosto. Recital de Lili Krauss. TMSP.

10 de agosto. Recital de Richard Metzler. Clube Paulistano, São Paulo.

24 de agosto. Recital de Claudio Arrau (talvez TMRJ), Rio de Janeiro.

28 de agosto. Recital de Claudio Arrau pela Sociedade de Cultura Artística de São Paulo.

29 de agosto. Recital de Claudio Arrau (talvez TMRJ), Rio de Janeiro.

6 de setembro. Estreia do Concerto No.4 para piano e orquestra, de Camargo Guarnieri, com a Orquestra Sinfônica de Porto Alegre sob regência do compositor, tendo como solista o pianista Roberto Szidon, em Porto Alegre.

11 de setembro. Recital de Roberto Szidon. TMSP.

12 de setembro Recital de Richard Metzler, com obras de compositores americanos. União Cultural Brasil Estados Unidos, São Paulo.

6 de outubro. Recital de Edson Elias. MASP, São Paulo.

7 de outubro. Recital de Vera Astrachan. TMSP.

6 a 26 de novembro. Festival Villa-Lobos, realizado em diversos locais do Rio de Janeiro. [acesse aqui o programa completo]

14 de novembro. Edson Lopes sola o Concerto No.3 de Bartok com a Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Chléo Goulart. Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro. [acesse aqui o programa]

24 de novembro. Mieczysław (Miécio) Horszowski sola as Bachianas brasileiras No.3 de Villa-Lobos com a Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro sob regência de Souza Lima, como parte do Festival Villa-Lobos. TMRJ. [acesse aqui o programa completo]

25 de novembro (estava programado para o dia 26). Sonia Maria Strutt sola o Concerto No.1 de Villa-Lobos com a Orquestra Sinfônica Nacional da Rádio MEC sob regência de Henrique Morelenbaum, como parte do Festival Villa-Lobos. TMRJ. [acesse aqui o programa completo]

6 de dezembro. Recital de Francisco Fabião. Conservatório de Música da UFPEL, Pelotas (RS).

8 de dezembro. Lançamento do LP "Arte de Antonietta Rudge" (Academia Santa Cecília de Discos LTDA. ASC-84), produzido por Paulo Portugal. Clube Paulistano, São Paulo.

No mundo

SArnaldo Cohen fica em 1º lugar no Concurso Internacional de Piano Feruccio Busoni, em Bolzano, Itália, criado em 1949.

Jean Louis Steuerman fica em 2º lugar na Concurso Internacional Johann Sebastian Bach em Leipzig, Alemanha, criado em 1950. O 1º lugar deste ano foi do Winfried Apel.

9 de março. Recital de Wanda Wilkomirska (violino) e Antonio Guedes Barbosa (piano) com obras de Ravel (Sonata), Szymanowski, Grieg (Sonata), Beethoven (Sonata No.9 "Kreutzer"). Philharmonic Hall, Nova York, EUA. 

16 a 30 de setembro. Jean Louis Steuerman é um dos semifinalistas e recebe medalha de bronze no Concurso Internacional de Música de Genebra (Suíça), criado em 1939. Não houve 1º lugar neste ano. O 2º lugar foi da peruana Guadalupe Parrondo.

22 de outubro. Recital (estreia em recital solo em Nova York) de Antonio Guedes Barbosa com obras de Chopin (Sonata No.3, 3 Polonaises e 6 Valsas) (primeiro de três recitais dedicados a Chopin). Hunter College Playhouse, Nova York, EUA.

2 de dezembro. Recital de Guiomar Novaes. Auditório do Hunter College, Nova York, EUA.

18 de dezembro. Último concerto de Guiomar Novaes fora do Brasil, com obras de Bach-Siloti, Mozart (Sonata No.11), Chopin (Sonata No.2), Octavio Pinto (Cenas infantis), Schumann (Carnaval). Garden City High School Auditorium, Nova York, EUA.