1911

No Brasil

É inaugurado o Cinema Avenida (depois Cinema Eldorado), na Avenida Rio Branco 151 a 153 e Rua República do Peru (atual Rua Assembleia nº 82), Rio de Janeiro, e que teve sua fase de ouro nas décadas de 1910 e 1920. Em sua sala de espera tocava a Orquestra de Cícero Menezes (um pequeno conjunto instrumental), do qual faziam parte o pianista Augusto Vasseur, o pistonista Bonfiglio de Oliveira (que também tocava contrabaixo), Cícero Menezes ao violino, Pompeu E. Nepomuceno à flauta, e Tertuliano Figueira Lima, à bateria. Diversas personlidade podiam ser vistas frequentando sua sala de espera, como Ruy Barbosa, Evaristo de Moraes, Paulo Haslocher, Francisco Braga, Lopes Gonçalves, Irineu Marinho, Ernesto de Souza e outros, que se constituía em ponto de reunião elegante. Augusto Vasseur costumava tocar na sala de espera diariamente entre 14 e 17 horas e entre 19 e 22:30 horas. 

É inaugurado o Cinema Central, que funcionou por alguns anos na Rua Haddock Lobo nº 463, Rio de Janeiro. Em 15 de novembro de 1919, passou a funcionar na Av. Rio Branco 168, esquina da rua Santo Antonio (no edifício do Liceu de Artes e Ofícios), Rio de Janeiro. Em 1920, era o maior cinema do Rio, com 1372 lugares. Funcionou até agosto de 1929, depois passou a se chamar Cine Eldorado. Diversos músicos tocavam na sala de espera do novo Cinema Central, incluindo jazz bands, Os Oito Batutas, e o pianista Ary Barroso.

3 de fevereiro. Nasce Aloysio de Alencar Pinto em Fortaleza (CE).

10 de março. O tiro formado por Barrozo Netto (piano), Humberto Milano (violino) e Max. Benno Niederberger (violino) interpretam o Trio Op.8 de Brahms. Humberto Milano (violino) e Barrozo Netto (piano) interpretam a Sonata Op.13 para violino e piano de Gabriel Fauré. Barrozo Netto interpreta obras de Brahms e Wagner-Tausig. Nicia Silva (canto) interpreta obras de Massenet, Charpentier, e Johann Strauss. Humberto Milano interpreta obras de Francisco Braga (Air de ballet), Barrozo Netto (Romance) e Moszkowski. Barrozo Netto provavelmente os acompanhou ao piano. Salão do Jornal do Commercio, Rio de Janeiro. [acesse aqui o programa]

17 de junho. Recital de Clementina Velho. TMRJ.

1º de agosto. Recital de Ignacy Jan Paderewski com obras de Bach, Beethoven, Schubert, Chopin, Paderewski, e Liszt. TMRJ.

3 de agosto. Recital de Paderewski com obras de Beethoven (Sonata No.17), Mendelssohn, Schumann (Carnaval), Chopin, Paderewski, e Liszt. TMRJ.

7 de agosto. Recital de Paderewski com obras de Bach (Fantasia cromática e Fuga), Beethoven (Sonata No.14), Schumann (4 das Peças fantásticas Op.12), Chopin (Sonata No.2), Paderewski, e Liszt. TMRJ. [acesse aqui o programa]

10 de agosto. Recital de Paderewski com obras de Beethoven, Schumann, Chopin, e Liszt. TMRJ.

13 de agosto. Recital de Paderewski com obras de Bach, Beethoven, Schubert, Schubert-Liszt, Chopin e Liszt. TMRJ.

30 de agosto. É inaugurado o Cinema-Teatro Rio Branco na Cinema-Teatro Rio Branco, que funcionava como cinema desde 24 de novembro de 1907 com o nome de Cinematographo Rio Branco, situado na Avenida Gomes Freire, 151 (antigos 13 a 19), Rio de Janeiro.

12 de setembro. Inauguração do Theatro Municipal de São Paulo (TMSP).

26 de setembro. Nasce José Vieira Brandão em Cambuquira (MG).

24 de novembro. Grande festival organizado por Arthur Napoleão em comemoração ao Centenário de Franz Liszt. Participaram os pianistas Arthur Napoleão, Alfredo Bevilacqua, Barrozo Netto, Candida Kendall, Nícia Silva, Carlos de Carvalho. Foi apresentado em 1ª audição no Rio de Janeiro o poema sinfônico Fausto, na versão para dois pianos, órgão e coro. TMRJ.

No mundo

Centenário de nascimento de Franz Liszt.

26 de janeiro. Recital de Guiomar Novaes com obras de Couperin, Daquin, Beethoven (Sonata No.21), Mendelssohn, Liszt, Chopin, Fauré, Widor, Henrique Oswald (Il neige!...), Philipp, dentre outros. Salle Erard, Paris, França.

5 de julho. Guiomar Novaes participa da prova de encerramento do curso do Conservatório de Paris. As candidatas deveriam ler uma peça à primeira vista (escrita por André Messager especialmente para a ocasião), e na segunda interpretar a Balada No.2 de Chopin. Guiomar recebeu o primeiro prêmio dentre as 15 candidatas. Faziam parte da banca Gabriel Fauré, Moritz Moszkowski, Paul Vidal,
Édouard Risler, Xavier Leroux, Cesar Galléotti. Como prêmio, proveniente de doação feita por Mlle. Julie-Claudia Popelin, Guiomar recebeu 1.200 francos e um piano de cauda. Conservatório de Paris, França