2008

No Brasil

Cadências, para piano e orquestra, de Guilherme Bauer, recebeu o prêmio APCA 2008 (Associação Paulista de Críticos de Artes) na categoria "Obra Experimental".

15 de janeiro a 2 de fevereiro. Realização do 30º CIVEBRA (Curso Internacional de Verão da Escola de Música de Brasília). Brasília.

16 de janeiro. Concerto de abertura do 30º CIVEBRA (Curso Internacional de Verão da Escola de Música de Brasília), com Maria Teresa Madeira (piano), Pedro Robatto, Heinz Schwebel (trompete), Lucas Robatto. Teatro Levino de Alcântara, Escola de Música de Brasília.

29 de janeiro. Recital de Radegundis Feitosa (trombone) e Maria Teresa Madeira (piano), como parte do 30º CIVEBRA (Curso Internacional de Verão da Escola de Música de Brasília). Teatro Levino de Alcântara, Escola de Música de Brasília.

29 de janeiro. Recital de Heinz Schwebel (trompete) e Maria Teresa Madeira (piano), como parte do 30º CIVEBRA (Curso Internacional de Verão da Escola de Música de Brasília). Teatro Levino de Alcântara, Escola de Música de Brasília.

31 de janeiro. Recital de Maria Teresa Madeira e Alexandre Dias (piano a 4 mãos e 2 pianos) com obras de Aloysio de Alencar Pinto (TV Serie Suite - I. O Incrível Hulk; II. McCoy, III; Batmasterson; IV. Bonanza; e Quebra Coco, Menina!, em arranjo de Radamés Gnattali), como parte do 30º CIVEBRA (Curso Internacional de Verão da Escola de Música de Brasília). Teatro Levino de Alcântara, Escola de Música de Brasília.

13 de março. Recital comentado de Maria Teresa Madeira sobre Chiquinha Gonzaga. Auditório Lorenzo Fernandez, Conservatório Brasileiro de Música, Rio de Janeiro.

22 de março. Concerto da Orquestra Petrobrás Sinfônica sob regência de Isaac Karabtchevsky tendo como solista Nelson Freire. TMRJ.

23 de março. Concerto da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo sob regência de John Neschling tendo como solista Olga Kern. TMRJ.

27 de março. Recital de Pavel Gonziakov (violoncelo) com Maria João Pires no Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

1º de abril. Marcelo Bratke sola o Concerto No.21 de Mozart com a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro, sob regência de Ira Levin. Sala Villa-Lobos, Teatro Nacional Claudio Santoro, Brasília. 

2 de abril. Abertura da série “Quartas Musicais”​. Recital de Maria Teresa Madeira (piano) e Paulo Mendonça (trompete). Auditório Lorenzo Fernandez, Conservatório Brasileiro de Música, Rio de Janeiro.

5 de abril. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Roberto Tibiriçá tendo como solista Arnaldo Cohen. TMRJ.

7 de abril. Concerto em homenagem aos 200 anos da chegada da Família Real ao Brasil. Participaram Maria Teresa Madeira (piano), Marcos Sacramento (canto), e Quadro Cervantes (grupo de música antiga). Academia Brasileira de Letras, Rio de Janeiro

8 de abril. Diana Kacso sola o Concerto No.4 de Rachmaninoff com a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro sob regência de Ira Levin, na Sala Villa-Lobos, em Brasília.

9 de abril. Falece do compositor paulista Nilson Lombardi.

10 de abril. Show de Nicolas Krassik (violino) e Maria Teresa Madeira (piano) com obras de Jacob do Bandolim, Sivuca, Ernesto Nazareth e outros. Teatro Municipal de Macaé (RJ).

24 de abril. Maria Teresa Madeira sola a Rhapsody in blue, de Gershwin, com a Banda Sinfônica da Província de Córdoba sob regência de Roberto Farias. Teatro del Libertador San Martin, Córdoba, Argentina.

25 de abril. Maria Teresa Madeira sola a Rhapsody in blue, de Gershwin, com a Banda Sinfônica da Província de Córdoba sob regência de Roberto Farias. Teatro del Libertador San Martin, Córdoba, Argentina.

3 de maio. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Gunther Neuhold tendo como solista Jean Phillipe Collard. TMRJ.

10 de maio. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Roberto Minczuk tendo como solista Cristina Ortiz. TMRJ.

10 de maio. Concerto da Orquestra Petrobrás Sinfônica sob regência de Isaac Karabtchevsky tendo como solista Nelson Freire. TMRJ.

25 de maio. Concerto da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo sob regência de Mario Venzago tendo como solista Michel Dalberto. TMRJ.

28 de maio. Maria Teresa Madeira sola a Rhapsody in blue, de Gershwin, com a Banda Sinfônica da FAMES sob regência de Gilson Silva. Theatro Carlos Gomes, Vitória (ES).

30 de maio. “A Música Brasileira no Século XIX". Recital de Maria Teresa Madeira. Associação Brasileira de Odontologia, Rio de Janeiro.

9 de julho. Série “MBP na ABL”. "Cariocando no Choro”. Recital de Maria Teresa Madeira com obras de Radamés Gnattali (Vaidosa, e Remexendo, esta última em arranjo de Maria Teresa Madeira), Ernesto Nazareth (Confidências e Digo), Chiquinha Gonzaga (A corte na roça, e Bionne), Tom Jobim (Luiza, e Chovendo na roseira, esta última em arranjo de Radamés Gnattali), Sinhô (Jura), Pixinguinha (Rosa), Carolina Cardoso de Menezes (Preludiando, e Ping-pong), Jacob do Bandolim (Santa Morena, em arranjo de Maria Teresa Madeira). Academia Brasileira de Letras, Rio de Janeiro.

1º de agosto. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Kurt Mazur tendo como solista Jean Louis-Steuerman. TMRJ.

9 de agosto. Concerto da Orquestra Sinfônica de Israel sob regência de Marcos Arakaki tendo como solista Misha Dacic. TMRJ.

14 de agosto. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Dan Ettinger tendo como solista Alexander Korsantia, em prol da Associação Beit Lubavitch e do Lar da Esperança. TMRJ.

16 de agosto. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Roberto Minczuk tendo como solista Peng-Peng. No mesmo dia, concerto da Orquestra Petrobras Sinfônica, sob regência de Isaac Karabtchevsky, com a participação de Wagner Tiso ao piano em programa dedicado à obra de George Gershwin. TMRJ.

23 de agosto. Concerto da Orquestra Petrobrás Sinfônica sob regência de Isaac Karabtchevsky tendo como solista Nelson Freire. TMRJ.

29 de agosto. "A música que Machado ouvia (Clube Beethoven)". Recital de Luiz Carlos de Moura Castro com obras de Callado (Flor amorosa), Alexandre Levy (Tango brasileiro), Ernesto Nazareth (Odeon e Batuque), Francisco Mignone (Valsa de esquina No.3), Chopin (8 peças), Villa-Lobos (3 peças de O carnaval das crianças; A manha da pierrette, O ginete do pierrozinho), Schumann (Carnaval). Academia Brasileira de Letras, Rio de Janeiro.

4 de setembro. Concerto da Hallé Orchestra sob regência de Mark Elder tendo como solista a pianista russa Polina Leschenko. TMRJ.

13 de setembro. Abertura da “Maratona de Piano”. Recital de Maria Teresa Madeira com obras de Bach-Siloti, Debussy (2 Arabescas), Villa-Lobos (Valsa da dor), Alberto Nepomuceno (Improviso), Ronaldo Miranda (Suíte No.3), Radamés Gnattali (Vaidosa, e Remexendo, esta última em arranjo de Maria Teresa Madeira), Tom Jobim (Chovendo na roseira, em arranjo de Radamés Gnattali), Ernesto Nazareth (Coração que sente, e Batuque). Teatro Municipal de São João Del Rei (MG).

18 de setembro. Recital de Maria Teresa Madeira com obras de Bach-Siloti, Debussy (2 Arabescas), Villa-Lobos (Valsa da dor), Alberto Nepomuceno (Improviso), Ronaldo Miranda (Suíte No.3), Radamés Gnattali (Vaidosa), Tom Jobim (Chovendo na roseira, em arranjo de Radamés Gnattali), Ernesto Nazareth (Coração que sente, e Batuque). De bis, foi interpretado Remexendo, de Radamés Gnattali, em arranjo de Maria Teresa Madeira. Museu Nacional de Belas Artes, Rio de Janeiro.

20 de setembro. Concerto da Orquestra Petrobrás Sinfônica sob regência de Isaac Karabtchevsky tendo como solista Nelson Freire. TMRJ.

25 de setembro. Recital de Maria Teresa Madeira (piano) e Leo Gandelman (saxofone) com obras de Villa-Lobos (Melodia sentimental, O canto do cisne negro, Bachianas brasileiras No. 5 I. Ária, Bachianas brasileiras No.2 IV. O trenzinho do caipira), Radamés Gnatalli (Bate-papo, Brasiliana para sax e piano, Valsa triste), Ernesto Nazareth (Brejeiro), Chiquinha  Gonzaga (Gaúcho). Fundação Eva Klabin, Rio de Janeiro.

26 de novembro. Show de Maria Teresa Madeira (piano) e João Bani (percussão). Clube do Choro de Brasília.

27 de novembro. Show de Maria Teresa Madeira (piano) e João Bani (percussão). Clube do Choro de Brasília.

28 de novembro. Show de Maria Teresa Madeira (piano) e João Bani (percussão). Clube do Choro de Brasília.

No mundo