1985

No Brasil

Pianistas ganhadores do prêmio APCA 1985 (Associação Paulista de Críticos de Artes): Max Barros (categoria "Solista"), Marina Granja Brandão (categoria "Recitalista"). 

Falece a pianista amazonense Lidia Simões.

11 de fevereiro. Paulo Affonso de Moura Ferreira sola o Concerto No.1 de J. S. Bach, com a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro (então chamada Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional de Brasília), sob regência de Emílio de César. Sala Villa-Lobos, Teatro Nacional, Brasília. 

1º de abril. Helena Jank (cravo) e Sônia Muniz (piano) solam o Concerto Duplo em mi b maior para cravo, piano e orquestra, de C. P. E. Bach, com a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro (então chamada Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional de Brasília), sob regência de Emílio de César. Sala Villa-Lobos, Teatro Nacional, Brasília.

12 de abril. Recital de Sergio Altman (flauta) e Paulo Reis (piano) com obras de Bach (Sonata No.1), Prokofieff (Sonata Op.94), Camargo Guarnieri (Sonatina para flauta e piano), Schumann (3 Romances Op.94), Poulenc (Sonata para flauta e piano), como parte do II Festival Amigos da Boa Música. Teatro da FASC, Bauru (SP).

13 de abril. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Isaac Karabtchevsky tendo como solista Arnaldo Cohen. TMRJ.

14 de abril. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Isaac Karabtchevsky tendo como solista Arnaldo Cohen. TMRJ.

Abril (talvez dia 16). Recital de Eudóxia de Barros com obras de Ernesto Nazareth (16 peças, com comentários, incluindo Odeon, Tenebroso, Elegantíssima, Eponina). De bis, foram interpretados Bem-te-vi atrevido, de Lina Pesce, e a Grande fantasia triunfal sobre o Hino Nacional Brasileiro, de Gottschalk. Conservatório de Música de Pelotas (RS).

20 de abril.  Arthur Moreira Lima sola o Concerto No.1 de Tchaikovsky com a Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Isaac Karabtchevsky. TMRJ. [acesse aqui o programa]

20 de abril. Alda de Mattos Righini sola o Concerto No.1 de Beethoven com a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro (então chamada Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional de Brasília), sob regência de Emílio de César. Sala Villa-Lobos, Teatro Nacional, Brasília. 

22 de abril. Falece o compositor e regente José Siqueira.    

30 de abril. Cynthia Priolli sola o Choro para piano e orquestra, de Camargo Guarnieri, com a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro (então chamada Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional de Brasília), sob regência do compositor. Sala Villa-Lobos, Teatro Nacional, Brasília. 

8 de maio. Recital de Paulo Gori pela Sociedade de Cultura Artística de São Paulo. 

9 de maio. Recital de Maria Teresa Madeira. Escola de Música da UFRJ, Rio de Janeiro.

27 de maio. Recital de Ivo Pogorelich. TMRJ.

29 de maio. Arthur Moreira Lima sola o Concerto No.1 de Tchaikovsky com a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro (então denominada Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional de Brasília), sob regência de Claudio Santoro. Sala Villa-Lobos, Teatro Nacional, Brasília. 

6 de junho. Recital de Jean Louis Steuerman pela Sociedade de Cultura Artística de São Paulo.

10 de junho. Recital de Miguel Proença. TMRJ.

10 de junho. Recital de canto e piano, sendo a pianista Maria Teresa Madeira. Unirio, Rio de Janeiro.

17 de junho. Recital de João Carlos Martins. TMRJ.

19 de junho. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Míltiades Caridis tendo como solista Nelson Freire. TMRJ.

25 de junho. Palestra de Ciro Gonçalves Dias Junior intitulada "Guiomar Novaes: Poesia da Música e da Vida" (2º parte), com ilustração de gravações e projeções. Centro de Expansão Cultural, Tênis Clube, Santos (SP). [acesse aqui o programa]

11 de julho. Neusa França e Alda de Mattos solam o Concerto para dois pianos BWV 1061 de J. S. Bach, com a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro (então chamada Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional de Brasília), sob regência de Henrique Morelenbaum. Sala Martins Penna, Teatro Nacional, Brasília.

27 de julho. Recital de Magda Tagliaferro. TMRJ.

30 de julho. Recital de Antonio Meneses (violoncelo) e Gilberto Tinetti (piano) pela Sociedade de Cultura Artística de São Paulo.

31 de julho. Maria Teresa Madeira é solista à frente da Orquestra de Câmera do Conservatório Brasileiro de Música (regente não-identificado). Auditório Lorenzo Fernandez, Conservatório Brasileiro de Música, Rio de Janeiro.

3 de agosto. Recital de Radegundis Feitosa (trombone) e Maria Teresa Madeira (piano). Sala Cecília Meireles, Rio de Janeiro.

6 de agosto. Recital de Radegundis Feitosa (trombone) e Maria Teresa Madeira (piano). Fundação Armando Álvares Penteado FAAP, São Paulo.

9 de agosto. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Jorge Rotter tendo como solista Nelson Freire. TMRJ.

9 de agosto. Show “De Repente”, do pianista Arthur Moreira Lima. Na abertura, tocou a pianista Maria Teresa Madeira. Circo Voador, Rio de Janeiro.

18 de agosto. Recital dos vencedores do Concurso Sul América, com participação da pianista Maria Teresa Madeira. Teatro Cultura Artística, São Paulo.

20 de agosto. Recital de Mischa Maisky (violoncelo) e de Nelson Freire (piano). TMRJ.

26 de agosto. Maria da Penha sola o Concerto para mão esquerda, de Ravel, com a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro (então chamada Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional de Brasília), sob regência de Carlos Alberto Pinto da Fonseca. Sala Villa-Lobos, Teatro Nacional, Brasília.

27 de agosto. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Isaac Karabtchevsky tendo como solista Antonio Guedes Barbosa. TMRJ.

27 de agosto. Recital de Murilo Barquette (flauta) e Maria Teresa Madeira (piano). Rede Nacional de Música. Campo Grande (MS).

28 de agosto. Recital de Yefim Bronfman pela Sociedade de Cultura Artística de São Paulo. 

28 de agosto. Recital de Murilo Barquette (flauta) e Maria Teresa Madeira (piano). Rede Nacional de Música. Dourados (MS).

29 de agosto. Recital de Murilo Barquette (flauta) e Maria Teresa Madeira (piano). Rede Nacional de Música. Cuiabá (MT).

2 de setembro. Recital de Arnaldo Cohen. TMRJ.

5 de setembro. Arnaldo Cohen sola o Concerto No.3 de Beethoven e o Concerto No.2 de Rachmaninoff com a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro (então chamada Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional de Brasília), sob regência de Claudio Santoro. Sala Villa-Lobos, Teatro Nacional, Brasília.  

6 de setembro. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Isaac Karabtchevsky tendo como solista José Feghali. TMRJ.

18 de setembro. Recital de Elisa Fukuda (violino) e Sergio Melardi (piano) pela Sociedade de Cultura Artística de São Paulo.

18 de setembro. Marina Cordovil sola o Concerto em fá menor de J. S. Bach o com a Orquestra de Câmara do Conservatório Brasileiro de Música sob regência de Marco A. Maceri. Auditório Lorenzo Fernandez, Conservatório Brasileiro de Música, Rio de Janeiro. [acesse aqui o programa]

20 de setembro. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Isaac Karabtchevsky tendo como solista Bruno Gelber. TMRJ.

24 de setembro. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Isaac Karabtchevsky tendo como solista Bruno Gelber. TMRJ.

26 de setembro. Recital de música de câmara com a participação da pianista Maria Teresa Madeira. Auditório do IBAM, Rio de Janeiro.

27 de setembro. Recital de música de câmara com a participação da pianista Maria Teresa Madeira. Auditório do IBAM, Rio de Janeiro.

29 de setembro. Recital de Ivo Pogorelich. TMRJ.

10 de outubro. Recital de Mikhail Rudy. TMRJ.

11 de outubro. Concerto da Orquestra Sinfônica Brasileira sob regência de Pedro Ignacio Calderón tendo como solista Arnaldo Cohen. TMRJ.

21 de outubro. Recital de Jairo Diniz (viola) e Maria Teresa Madeira (piano). Rede Nacional de Música. Fortaleza (CE).

25 de outubro. Recital de Jairo Diniz (viola) e Maria Teresa Madeira (piano). Rede Nacional de Música. Crato (CE).

5 de novembro. Recital do duo pianístico Katia e Marielle Labèque pela Sociedade de Cultura Artística de São Paulo. 

6 de novembro. Recital do duo pianístico Katia e Marielle Labèque pela Sociedade de Cultura Artística de São Paulo. 

7 de novembro. “Koellreuter 70”. Recital com a participação de diversos músicos, dentre eles a pianista Maria Teresa Madeira. Sala Cecília Meireles, Rio de Janeiro.

14 de novembro. Prêmio Eldorado de Música (prova semifinal). Dentre outros músicos, participaram Paulo Sérgio Santos (clarineta) e Maria Teresa Madeira (piano). Teatro Cultura Artística, São Paulo.

20 novembro. Prêmio Eldorado de Música (prova semifinal). Dentre outros músicos, participaram Aloysio Fagerlande (fagote) e Maria Teresa Madeira (piano). Teatro Cultura Artística, São Paulo.

28 de novembro. Recital de Clóvis Pereira Filho (violino) e Maria Teresa Madeira (piano). Casa de Rui Barbosa, Rio de Janeiro.

3 de dezembro. Prêmio Eldorado de Música (prova final). Dentre outros músicos, participaram Aloysio Fagerlande (fagote), Paulo Sérgio Santos (clarineta) e Maria Teresa Madeira (piano). Teatro Cultura Artística, São Paulo.

19 de dezembro. Ney Salgado sola o Concerto No.5 "Imperador" de Beethoven com a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro (então chamada Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional de Brasília), sob regência de Arlindo Teixeira. Sala Villa-Lobos, Teatro Nacional, Brasília.  

No mundo

José Feghali fica em 1º lugar no Concurso Internacional de Piano Van Cliburn, no Texas, EUA, criado em 1962.

José Carlos Cocarelli fica em 1º lugar na 37ª edição do Concurso Internacional de Piano Feruccio Busoni, em Bolzano, Itália.

Marcello Faldini fica em 2º lugar no Concurso Internacional de Piano Claude Kahn, na França. O 1º lugar deste ano foi do alemão Igor Kamenz.

Douglas Iuri fica em 5º lugar no Concurso Internacional de Piano Cidade de Montevidéu, Uruguai. Ficaram empatados em 1º lugar o chileno Alfredo Perl e o alemão Rolf Plagge.

24 de março. João Carlos Martins atua como solista frente à American Symphony sob regência de Jo Ann Falletta. Provavelmente Nova York, EUA.

19 de outubro. Recital de José Feghali com obras de Schumann (Carnaval), Haydn (Sonata em mi bemol), Villa-Lobos (Bachianas brasileiras No.4), Chopin. Carnegie Hall, Nova York, EUA.

Novembro (provavelmente dia 23). Recital de Sonia Rubinsky com obras de Haydn (Sonata em mi bemol), Schumann (Kreisleriana), Liszt, Villa-Lobos (Rudepoema). Houve alguns bis, dentre eles, O polichinelo, de Villa-Lobos. Carnegie Hall, Nova York, EUA.