1923

No Brasil

23 de fevereiro. Recital de Guido Callignani (contrabaixo) e José de Souza Lima (piano) pela Sociedade de Cultura Artística de São Paulo.

5 de maio. Hylda Teixeira da Rocha (1º Prêmio do Instituto Nacional de Música) sola a Fantasia húngara, de Franz Liszt, com orquestra sob regência de Francisco Braga. TMRJ.

6 de junho. Recital de Alexander Borovsky pela Sociedade de Cultura Artística de São Paulo.

7 de julho. Iza de Queiroz Amancio dos Santos (1º Prêmio do Instituto Nacional de Música) sola o Concerto em mi maior de Moszkowski (1ª audição no Brasil), com orquestra sob regência de Francisco Braga. TMRJ.

8 de junho. Recital do russo Alexander Borovsky com obras de Bach, Mozart, Chopin, Debussy, e Liszt. TMRJ.

10 de junho. Recital do russo Alexander Borovsky com obras de Beethoven (Sonata Op.111), Liadov, Glazunov, Tchaikovsky, Weber-Tausig, Chopin, Liszt. TMRJ.

13 de junho. Recital do russo Alexander Borovsky com obras de Beethoven, Liszt, Albéniz, Gluck, Prokofieff, Liadov, Rachmaninoff, Brahms (Variações sobre um tema de Paganini), e De Falla. TMRJ.

14 de junho. Alfred Blumen sola a Burlesca de Richard Strauss, com a Filarmônica de Viena sob regência do autor. TMRJ.

25 de julho. Alfred Blumen sola um dos concertos de Beethoven com a Filarmônica de Viena sob regência de Richard Strauss. TMRJ.

28 de julho. Estreia carioca da pianista Magdalena Tagliaferro, interpretando obras de Bach, Mozart, Weber, Liszt, Albéniz, Debussy, Hahn, e Chopin.  TMRJ.

31 de julho. Recital de Magda Tagliaferro com obras de Franck, Ravel, Hahn, Granados, Falla e Chopin. TMRJ.

11 de agosto. Recital de Magda Tagliaferro pela Sociedade de Cultura Artística de São Paulo.

21 de outubro. Recital de Alfred Blumen com obras de Mendelssohn, Mozart, Schubert, Liszt (Sonata), e Chopin. TMRJ.

No mundo